Durante a premiação dos vencedores da 24ª edição do rally Piocerá 2011 depoimentos enriqueceram ainda mais o evento. O diretor de provas da categoria, Zé do Rádio, ressaltou que essa prova foi a mais técnica: “Realizamos uma prova perfeita. Nesses 4 dias não tivemos nenhum recurso, nada de reclamação. Recebemos, sim, muitos elogios. Todos os participantes saíram totalmente satisfeitos da prova. Pra gente isso é muito bom”.

Abrindo a premiação, na categoria moto rally, vitória do piauiense Peter Ferreira. Muito emocionado o campeão dedicou a vitória à esposa e pediu aplausos para a organização do evento: “Vocês não imaginam o quanto é difícil realizar um rally grandioso como este. É preciso ter muito amor ao esporte de velocidade para conseguir a excelência. O Piocerá é isso, excelência. Parabéns a todos!, frisou. Ainda nessa modalidade um exemplo de superação. O 3° lugar, Flávio Dagoberto Câmara correu toda a prova ainda em recuperação. Depois de um acidente em que ele teve a clavícula quebrada, Flávio dedicou-se mais aos treinamentos e conseguiu correr a prova.

Nos quadriciclos levantaram os troféus, Arnoldo Júnior (Ce) no graduado e Audir Lages Neto (Pi), na categoria novato. Audir Neto avaliou a prova como a melhor que já participou: “Pelo 3° ano participo da prova. Ano que vem vou subir para graduado. Com isso vou intensificar meus treinos para ser campeão de novo’, disse.

Na categoria carro 4 x 4 graduado deu Minas Gerais na cabeça. Muita festa da equipe para parabenizar Wander Filho e Wagner de Paula. “Até parece repetitivo, mas não tem jeito, temos que dizer a verdade. Essa prova foi de um nível muito alto. A chuva, o terreno, tudo foi perfeito, por isso que ganhamos”, comentou empolgado Wander Filho. No Turismo vitória de Gilvado Carvalho e Jorge Santana (Pe). Nessa equipe o piloto, Gilvado, foi o ‘ faz tudo1. Sem apoio, nem patrocínio, ele foi piloto e mecânico: “É a 1° vez que participo do Piocerá. Com a vitória nessa prova tão importante tenho certeza de que vou arrumar patrocínio e ano que vem venho ainda mais sedento de vitória. Não precisarei ser várias coisas ao mesmo tempo. Quero continuar sendo piloto”, disse Gilvado. Na Expedição Ademir Ruella e João Muniz Ruella, pai e filho levaram a melhor. “Ano que vem vamos voltar e trazer mais um integrante da família pra concorrer na categoria moto. Queremos muitas vitórias aqui no Piocerá”, disse Ademir.

Agora só ano que vem. Vamos aguardar as surpresas que virão na comemoração dos 25 anos do rally Piocerá em 2012.

Notícias mais recentes

29/06/2020
Mulheres dominam Live exclusiva para elas do Rally Piocerá/Cerapió
22/06/2020
Conversa de campeões marca Live com o pessoal dos carros e UTVs do Rally Piocerá/Cerapió
15/06/2020
Terceira Live do Rally Piocerá/Cerapió reúne integrantes das motos e quadriciclos
05/06/2020
Bate-papo com galera das bikes agita os canais do Rally Piocerá/Cerapió
26/05/2020
Rally Piocerá lança 34ª edição para 2021 entre Piauí e Ceará